ads

Cinema no Mato terá segunda edição esse ano


O projeto de cinema que formou ano passado 25 alunos na área de audiovisual, terá segunda edição e abre suas inscrições para jovens de 14 a 19 anos.


A iniciativa é desenvolvida pelo Instituto Equipav, em parceria com o Ponto Cenpro Faces de Cultura, Nascentes do Xingu, 3 Apitos Marketing Cultural e Esportivo e Prefeitura Municipal de Primavera do Leste. O objetivo é trabalhar a produção de cinema, leia-se curtas-metragens, com temas ligados a preservação do meio ambiente, culminando na profissionalização de jovens de 14 a 19 anos na área de audiovisual. Disseminando cultura e estimulando o protagonismo jovem na produção cultural regional e desenvolvimento de profissionais capacitados a alimentar o mercado cultural em Mato Grosso.
Serão três turmas, divididas em três polos, no bairro Tuiuiú, Escola Alda Scopel e no Centro Cultural. As aulas terão a duração de duas horas, duas vezes por semana. O projeto oferece, módulos de construção de roteiro, direção de fotografia, direção de arte, interpretação para TV e cinema, edição de vídeo/montagem, produção e desenvolvimento de curtas metragens de ficção e/ou documentário.
O projeto: Cinema no Mato ressalta que as aulas são totalmente gratuitas e que os alunos que se destacarem durante o projeto serão selecionados como monitores para as próximas etapas. O objetivo do projeto é profissionalizar os alunos, ampliando as chances de os jovens ingressarem no mercado de trabalho nas áreas de cinema. “As aulas de edição exigem de mim, paciência, criatividade, imaginação e técnica. As aulas são agradáveis e estou gostando muito” disse o aluno Hiago Gonçalves no módulo de edição/montagem no primeiro ano do projeto.

Com foco no empoderamento e protagonismo jovem, o projeto leva às comunidades oficinas de produção audiovisual com uma equipe de suporte preparada e materiais para a confecção dos curtas-metragens propostos em sala de aula. Numa lógica de desenvolvimento contínuo, trabalharemos durante 6 meses o projeto. As oficinas serão multidisciplinares, englobando o ensino de edição de vídeo, manutenção de equipamento cinematográfico, filmagem, roteiro, direção de arte, elenco e produção geral e serão oferecidas para 50 alunos no município. Ao final, faremos o segundo Festival de Cinema Verde com a exibição dos curtas desenvolvidos pelos alunos, assim como a sua formatura e premiação.