ads

ESCOLA MUNICIPAL DE TEATRO – PROJETO: TEATRO FACES PROMOVE LIVES NO INSTAGRAM



As Lives acontecem através de um diálogo com a escola e convidados que pensam a pedagogia teatral.

Com o intuito de alcançar outros públicos e debater virtualmente questões inerentes a pedagogia teatral a Escola Municipal de Teatro – Projeto Escola de Teatro Faces, uma parceria entre a Secretaria de Cultura, Turismo, Lazer e Juventude e uma realização da Prefeitura Municipal de Primavera do Leste – MT promoveu duas lives nas últimas semanas de isolamento social.
A primeira Live foi mediada pela Coordenadora Pedagógica da escola, Edilene Rodriguez juntamente com o Professor de Teatro Darci Souza Junior. Eles conversaram e trocaram com as pessoas presentes sobre a história de criação da Escola Municipal de Teatro, além de como é pensado e estruturado a parte pedagógica da escola e de descentralização da mesma, a qual atua em diversas comunidades/realidades que compõem a cidade de Primavera do Leste – MT.
Já a segunda Live mediada foi calcada na discussão do tema: Da literatura no teatro à contação de histórias com a presença da convidada da semana, a contadora de histórias Alicce Oliveira. Alicce Oliveira é graduada em Pedagogia/UFMT. Iniciou a carreira de atriz em 1994 e desde 2005 vem dedicando-se a Arte de Contar Histórias. Através da oferta de espetáculos, cursos e oficinas, tem recebido convites para participar em eventos culturais pelo Brasil. Em 2009 recebeu o Prêmio Funarte de "Teatro Myriam Muniz”, Idealizadora do projeto literário CONTOS DO MATO – que em 2020 está na sua terceira edição, entre outros. Alicce em suas narrativas permeia o universo lúdico dos objetos sonoros. Música e histórias criam a atmosfera do ambiente ideal para uma viagem ao mundo do faz de conta e foi desse jeito com música e objetos imaginados que Alicce nós engrandeceu com duas contações de histórias incríveis no final da Live.
Para a terceira Live convidamos Dani Leite com o tema: Pensando modelos de ação pela ótica do Teatro Feminista
Atriz-Pesquisadora, possui graduação (2009) em Filosofia (UFMT), mestrado (2015) e doutorado (2019) em Estudos de Cultura Contemporânea (UFMT), quando desenvolveu a dissertação "Corpo Ex-Posto: Disparador de possibilidades na obra de Elisa Ohtake" e a tese "O que pode o teatro como poética do acontecimento: cartografias de desejos e uma ode à desobediência". Participa do grupo de pesquisa "Artes hibridas: intersecções, contaminações e transversalidade". Atua como atriz e diretora no in-Próprio Coletivo, concebeu os espetáculos "OraMortem" e "in-Proprio para Dinossauros" e a performace "Não cabe mais, gente!" . Desde de 2017 ministra aulas nos cursos de atuação e direção da MT Escola de Teatro (UNEMAT). Apresentou espetáculos e ministrou cursos, workshops e residências artísticas em diversas cidades do Brasil e também na Colômbia e Argentina. Os principais temas de interesse são: teatro contemporâneo; dramaturgia do ator; artes híbridas; autoficção. 
Te esperamos no instagram nas quintas-feiras!
Fiquem em casa e vamos conversar um pouco.












Novo
Anterior
Próximo Post »