ads

Reflexões sobre Paulo Freire no âmbito teatral

 “Me movo como educador, porque, primeiro, me movo como gente”      

- Paulo Freire.

 

Não podia começar a escrever essa matéria sem antes citar o filósofo, pedagogo e educador Paulo Freire. Por meio da sala do professor realizada semanalmente com o corpo docente da Escola Municipal de Teatro mediada nesta ocasião pela atriz, professora e mestranda em teatro pela UDESC, Edilene Rodriguez, tive a possibilidade de conhecer e aprofundar os meus estudos sobre Freire.

Paulo Freire, tem seus ensinamentos claros, amplos e de fácil entendimento, podendo ser aplicados não apenas nas instituições de ensino, mas também, no que diz respeito a vida em qualquer situação. No meu caso como professora da Escola Municipal de Teatro Faces, utilizo frases de Paulo Freire como elemento disparador que leva a reflexão e consequentemente à criação. A frase acima supracitada é um exemplo bem claro por onde devemos começar. Assim, pude ministrar uma sala do professor onde meu ponto disparador foi frases sobre ensino/aprendizagem de Paulo Freire.

Uma das frases utilizadas como elemento disparador para gerar o debate na sala do professor foi: “Ensinar não é transferir conhecimento, mas criar as possibilidades para sua própria produção”. Há também frases que me levam a reflexão e que me fazem pensar sobre o ensino para infância e juventude, como: “Não há ensino sem pesquisa e pesquisa sem ensino”; “Educar é impregnar de sentido o que fazemos a cada instante”; “Quando a educação não é libertadora, o sonho do oprimido é ser o opressor”.

Vejo nas frases de Paulo Freire, possibilidades de aprendizado todos os dias, imbuída de reflexões que me tiram da zona de conforto. Por fim, proponho essa frase como reflexão disparador para todos(as) leitores desse blog. 



“Enquanto ensino continuo buscando, reprocurando. Ensino porque busco, porque indaguei, porque indago e me indago. Pesquiso para constatar, contatando intervenho, intervindo educo e me educo. Pesquiso para conhecer o que ainda não conheço e comunicar ou anunciar a novidade.” – Paulo Freire.

 

                                                                                     Texto escrito por Sabrina Nathany.