ads

Oficina de Iniciação Teatral em Paranatinga


O Ponto Faces de Cultura ofertou uma oficina de iniciação teatral e um intercâmbio cultural com os alunos da Escola Municipal Vista Alegre da cidade de Paranatinga a pedido da Professora de Língua Portuguesa Daniela de Paula Ferreira, a qual está pesquisando na sua tese de mestrado como utilizar a linguagem teatral como ferramenta de trabalho com alunos com Déficit de Atenção (TDA) e Deficiência Intelectual (DI).  Assim a professora resolveu entrar em contato com a Escola Municipal de Teatro – Projeto: Teatro Faces e firmar parceria a fim de promover um intercâmbio cultural aos seus alunos.
Os alunos da professora Daniela estão montando uma peça de teatro com teatro de sombras, assim ela viu na Escola Municipal de Teatro uma maneira de potencializar as ações que estava realizando em sala de aula com seus alunos.
A Oficina de Iniciação Teatral foi mediada pela professora de teatro e atriz Edilene Rodriguez no Centro Cultural no dia 09 de agosto de 2018. A Oficina tinha como proposta estabelecer e desenvolver pesquisa sobre as metodologias de ensino de teatro apoiado por Ricardo Japiassu, Viola Spolin e Ingrid Koudela, munindo assim os alunos de conhecimentos práticos e teóricos acerca do universo do teatro. A valorizar a iniciativa, os avanços coletivos e individuais, além de contribuir para uma aprendizagem significativa a partir desses estudos. Além de identificar o contexto dos jogos teatrais; criar improvisação, imaginação e realização, fundamentadas em possibilidades de jogos de cena; desenvolvimento do coletivo na construção cênica, entre outros.
Durante a manhã os alunos realizaram a oficina de 04 horas e na parte da tarde eles fizeram intercâmbio com o Grupo de Teatro Primitivos, os quais são alunos oriundos da Escola Municipal de Teatro – Projeto Teatro Faces e hoje recebem uma bolsa de estudos para continuarem suas pesquisas de ator e professor dentro da escola de teatro. O Grupo de Teatro Primitivos fez um ensaio aberto para os alunos de Paranatinga com o espetáculo O Beijo da Lua e da Vitória Régia de Wanderson Lana, diretor artístico do grupo. Durante o ensaio, o diretor fazia algumas intervenções e explicava aos alunos sobre o processo de montagem do espetáculo.
Após o ensaio, os alunos fizeram uma mesa redonda com o grupo e trocaram ideias, pensamentos, tiraram dúvidas sobre como é fazer teatro no interior de Mato Grosso, entre outros. Ao todo 22 alunos foram beneficiados com idades entre 14 e 15 anos.